Prefeitura dá início à produção de joaninhas para combater pragas urbanas Rui News

A joaninha é um predador como um leão, um
lobo e, ao se alimentar, ela vai predar o organismo, que a gente chama de pulgões,
insetos, que podem se tornar pragas. E isso ajuda a gente a não usar agrotóxico
e ter vários alimentos. Por isso nós pensamos então num projeto
que resgatasse essas joaninhas que já existiam no nosso ambiente e melhorasse a biodiversidade
no nosso município. A Biofábrica, na verdade, é um espaço de
temperatura e umidade controlado, onde a gente vai manipular o alimento para essas joaninhas,
colocar elas em recipientes para elas ficarem mais adequadas possível para acasalarem,
produzirem ovos e irem se reproduzindo. Existe um outro foco também que é as árvores
de Ficus que estão na Bernardo Monteiro e na avenida Barbacena. Se a gente lembrar, há mais ou menos 5 anos
atrás, nós tivemos um surto de mosca branca, que foi uma praga que quase matou essas árvores
lá. Então a ideia é também fazer a liberação
de joaninhas nessas árvores para fazer um controle. Com o andar do projeto, a ideia é também
distribuir para a população, para as pessoas que tem um quintal, tem um pequeno canteiro,
uma varanda com plantas, seja ornamental ou plantas alimentícias, hortaliças ou fruteiras
para ajudar no controle biológico.

Leia Também →  Vai de Tênis: A escolha certa para os seus pés

Managed by Immediate JFusion